5º Princípio  

 

5º Princípio

“POSICIONAMENTO EM FAVOR DA EQUIDADE E JUSTIÇA SOCIAL, QUE ASSEGURE UNIVERSALIDADE DE ACESSO AOS BENS E SERVIÇOS RELATIVOS AOS PROGRAMAS E POLÍTICAS SOCIAIS, BEM COMO SUA GESTÃO DEMOCRÁTICA”.

Numa sociedade com desigualdades estruturais desde a sua fundação, onde se agravara o desmonte do Estado brasileiro face à acirrada política de ajustes regressivos e antidemocráticos do atual governo para atender aos interesses da classe dominante, é papel fundamental das assistentes sociais a defesa da equidade e da justiça social, afirmando seu compromisso com os valores da classe trabalhadora.

É por meio das ações profissionais, tanto na intervenção direta com a população quanto na defesa de uma gestão cada vez mais democrática das instâncias que formulam e implementam as políticas sociais, que as assistentes sociais buscam assegurar, como uma de suas atribuições, o acesso aos bens e serviços relativos a programas e políticas sociais, na direção de viabilizar direitos aos usuários, sem perder a dimensão da particularidade de cada um e do coletivo de trabalhadores em sua totalidade: “De cada qual, segundo suas capacidades; a cada qual, segundo suas necessidades”.

#pracegover Imagem especial com tema Nossos 11 Princípios. Quinto princípio. O texto na imagem: Posicionamento em favor da equidade e justiça social, que assegure universalidade de acesso aos bens e serviços relativos aos programa e políticas sociais, bem como sua gestão democrática

 

Outras Notícias

Comentar

Current month [email protected] day *